COMO CUIDAR DA MINHA PLANTA?

segunda-feira, março 27, 2017

Ilustração por Annie Huang

     Você é do tipo que ama plantas? E infelizmente viu a sua planta favorita morrer sem nem entender o porque? Não se preocupe e nem fique triste pensando que você não capaz de cuidar se quer, de uma planta...kkkk, foi isso que ouvir. A preocupação maior era que, além de ter 2 plantinhas eu tenho uma linda cachorra que se chama Jully, então devo mostrar que sou capaz de cuidar das minhas filhinhas.
Após uma experiência frustante, me sentir obrigada a buscar conhecimentos, levantei algumas pesquisas que me auxiliaram como devo cuidar melhor das minhas plantas. Percebi que, se a planta não está bem, ela mostra todos os indícios necessários de que algo esta errado, assim podemos dá um cuidado especial aquela planta.  
Mas como iremos identificar que algo esta errado? Os maiores sinais geralmente podem ser vistos através das folhas, por ser um órgão produtor de alimentos das plantas, assim como o estomago é para nós, podemos analisar se estão recebendo os cuidados necessários, como: luz, água ou excesso de ambos. 

Vamos conferir alguns itens pelo qual você pode está se deparando neste momento, e descobrir o que esta errado com sua planta:

PRAGAS OU INFECÇÕES 
Observe se as folhas estão com machas marrons, bordas mordidas ou se há insetos em algum lugar em sua planta, se apresentar essas características, saiba que sua planta pode esta apresentando uma infestação de pragas ou doenças. 
Qual a solução?  Primeiramente antes de comprar e trazer uma nova planta para sua casa, verifique cuidadosamente se não há sinais de infestação ou doença, pois caso contrario poderá espalhar-se nas outras plantas em sua casa. Se já estiver em sua casa, recomenda-se que á isole e retire as folhas infectadas e a limpe com um pano úmido ou água com sabão. 

 EXCESSO DE ÁGUA
Por incrível que pareça, você pode afogar sua planta com o excesso de água, saber regar é essencial para sua sobrevivência. É mais comum acontecer com cactos que são comumente.
Qual a solução? Regue sua planta com cuidado e não frequentemente, o ideal é deixar que a água seja absorvida pelo solo. Isto incentivará o crescimento mais forte da raiz e começará a armazenar água. 

 FALTA DE LUZ SOLAR
A falta da luz solar torna as plantas flexíveis, pálidas, fracas e percam as suas folhas, as suculentas é uma planta que caso não receba luz necessária perdem todas as suas folhas ( foi o meu caso, porém eu desconhecia) ou as folhas crescem completamente espalhadas. 
Qual a solução? Algumas plantas necessitam de luz solar direta, enquanto outras apenas luz solar indireta, neste caso é necessário se informar se a sua planta gosta ou não de sol perene. 

 DESIDRATAÇÃO
Observe se as folhas estão com as pontas marrons ou crocantes, se estiverem saiba que sua planta esta desidratada, a quantidade de água não esta sendo o suficiente, você também pode observar se ao regar a água passa sobre o solo sem imersão, isso significa que o solo esta seco e a planta provavelmente encontra-se desidratada. 
Qual a solução? Aumente a frequência de rega e na primeira rega, certifique-se de encharcar o solo. Outra solução é transferir a planta para um recipiente maior, porque as raízes poder esta precisando de espaço. 

BAIXA UMIDADE
A baixa umidade permite que a umidade na superfície da folha evapore rapidamente, o que é especialmente assim para as plantas tropicais. A perda de folhas ou aparecimentos de raias marrons é sinal de que o ambiente esta muito seco, o que é particularmente comum no período do inverno. 
Qual a solução? Pulverizar as folhas durante os meses de inverno para imitar as condições úmidas e agrupar as plantas para aumentar a umidade. 

Assim como as pessoas, as plantas tem a sua própria necessidade, devemos esta atentos para essas pequenas características que apresentam, nos direcionando qual passo devemos tomar, para assim evitar que sua planta morra. 

Realmente espero que esse post tenha ajudado, caso você já teve uma experiência parecida deixe seu comentário.  

Com Carinho, Andreia Carvas




  • Share:

You Might Also Like

0 comentários